A equipa profissional de ciclismo ‘Rádio Popular-Boavista’ vai passar a incluir o nome de Paredes, uma decisão que foi levada à discussão de executivo camarário desta quinta-feira e que foi aprovada por unanimidade.

Assim, a formação para 2022 passa designar-se Rádio Popular/Paredes/Boavista, o que para o presidente da Câmara local vai de encontro às políticas do actual executivo que passam pela promoção do nome de Paredes, assim como da modalidade.

“Todos ficamos a ganhar por estarmos ligados ao ciclismo”, frisou durante a reunião Alexandre Almeida pretende que “todas as pessoas saibam onde fica Paredes”. E ter uma equipa, não só no campeonato nacional, mas a correr além-fronteiras, com o nome do município na camisola por 26 mil euros “é um achado”, disse ainda o edil.

Sobre este assunto, Ricardo Sousa, vereador pela coligação ‘Primeiro as Pessoas’, que junta o PSD e o CDS  no executivo municipal, fez uma declaração de voto no sentido de saber se esta decisão camarária não passou de um acto de “desespero” ou se não representa “uma medida avulso” que em nada beneficia o município.

A reunião serviu ainda para Alexandre Almeida abordar a questão da poluição do Rio Ferreira, onde há uma solução pode passar por fazer uma ligação directa entre as estações de tratamento de águas residuais (ETAR) de Arreigada à de Campo.

O autarca adiantou mesmo que está a encetar esforços, juntamente com o presidente da Câmara de Paços de Ferreira, no sentido de avançar com esta hipótese.

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here