Foto: Freepick

À semelhança do país, os concelhos da região têm uma população cada vez mais envelhecida já que, ao longo dos últimos anos, foi diminuindo o número de nascimentos e a esperança média de vida tem aumentado. Em Lousada, Paços de Ferreira, Paredes e Valongo o saldo natural ainda é positivo, ou seja, ainda se nasce mais do que se morre, mas por pouco. Penafiel é excepção.

Menos 900 bebés

Nem a Pordata nem o INE disponibilizam dados relativos ao ano de 2007, mas, comparando 2021 com 2009, o ano mais aproximado disponível, nasceram menos 900 bebés nos concelhos de Lousada, Paços de Ferreira, Paredes, Penafiel e Valongo, uma descida de 25%. Recuando mais um pouco e olhando ao ano de 2001, a diferença aumenta, e muito. Em relação a esse ano foram menos 1754 nados-vivos, menos 39%.

Ainda assim, estes cinco concelhos estão entre os 100 do país com a maior taxa bruta de natalidade, ou seja, são daqueles onde ainda nascem mais bebés por mil habitantes.

Percentualmente, as maiores quebras nos nascimentos foram nos concelhos de Lousada (-33%), Paços de Ferreira (-26%) e Paredes (-25%).

Nos cinco concelhos nasceram, em 2021, 2762 bebés.

Infografia Verdadeiro Olhar | Dados Pordata/INE

Mais mortes

Lousada, Paços de Ferreira, Paredes, Penafiel e Valongo também são dos concelhos do país onde morrem menos pessoas por mil habitantes, ou seja, têm das menores taxas brutas de mortalidade de Portugal.

Mas, nos últimos anos, tem aumentado o número de óbitos. Em 2021 foram registadas 2742 mortes nestes cinco municípios, mais 445 que em 2009, o ano mais aproximado disponível, mais 19,4%.

Lousada é o concelho com menor aumento da mortalidade (7,4%) e Valongo e Penafiel os com maiores subidas em termos comparativos (2,1% e 23,6%, respectivamente).

Infografia Verdadeiro Olhar | Dados Pordata/INE

Saldo natural positivo

Feitas as contas, o saldo natural dos concelhos de Lousada, Paços de Ferreira, Paredes e Valongo, em 2021, ainda é positivo. Ou seja, ainda se registam mais nascimentos do que mortes. Mas a margem é cada vez mais curta. Em Paços de Ferreira a diferença entre o número de nados-vivos e óbitos é de seis pessoas, em Valongo de 10 e em Lousada de 22. Paredes é o concelho com saldo mais “positivo”: mais 57 nascimentos do que mortes.

Penafiel é a excepção. Já passou a ter mais mortes do que nascimentos: 75 em 2021.

Índice de envelhecimento mais do que duplicou

A par destes dados o índice de envelhecimento nestes concelhos duplicou ou mais do que duplicou nos últimos anos. Ou seja, há cada vez mais idosos por cada 100 jovens.

Os dados da Pordata mostram que, ainda assim, estes concelhos estão muito abaixo da média do país, cada vez mais envelhecido.

De acordo com os números, Lousada e Paredes são os concelhos menos envelhecidos e Penafiel e Valongo aqueles em que o índice de envelhecimento da população é maior.

Infografia Verdadeiro Olhar | Dados Pordata/INE

No dia em que completa 15 anos de existência o Verdadeiro Olhar dá-lhe a conhecer alguns indicadores sobre a evolução da região em vários domínios.

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here