O teatro “desenvolve competências corporais, emocionais e de relacionamento”, para além dos conhecimentos especializados. A afirmação é de Tainah Dadda, coordenadora do curso, a encenadora e professora no Conservatório de Dança do Vale do Sousa.

Este ano, e com uma nova oferta formativa, há aulas dirigidas a alunos do segundo e terceiro ciclos, e a professora acredita que vai ser grande a procura, sendo que o curso vai abranger áreas como “interpretação, voz e corpo”.

As inscrições para o Curso Básico de Teatro já abriram, sendo que esta formação é reconhecida pelo Ministério da Educação para alunos do 5º ao 9º anos, sendo que esta nova opção se insere no âmbito do Ensino Artístico Especializado de Teatro, vertente incluída no passado mês de Fevereiro no elenco de cursos artísticos que integram o ensino básico.

Tainah Dadda acrescenta também que a medida de inclusão do Teatro a nível curricular leva a um “enriquecimento do sistema educativo e à valorização da área”, não só para “professores qualificados”, como para “alunos que pretendam
desenvolver suas aptidões artísticas e seguir seus estudos para um futuro profissional como actores, cenógrafos, encenadores, produtores, e outras profissões relacionadas às artes da cena”.
Em nota de imprensa, o Conservatório de Dança destaca que é “o primeiro na região do Vale do Sousa” com aulas para este ano lectivo, através deste Curso Básico de Teatro.
As aulas vão ser dadas no polo de Paredes em duas turmas, primeiro ano de Teatro para alunos do 5º e 6º anos, segundo ciclo, e o terceiro ano de teatro vai ser dirigido a alunos do 7º ao 9º anos para jovens com ou sem conhecimentos na área.

O objectivo passa por dar aos alunos “ferramentas essenciais para a análise crítica das manifestações estético-culturais, o aperfeiçoamento da expressão teatral, da criatividade, o desenvolvimento da consciência e do condicionamento corporal, das potencialidades vocais, do sentido de grupo e dos relacionamentos interpessoais”, sublinha também o Conservatório.

Será uma “abordagem de base humanista, que promova o desenvolvimento de competências nos alunos, que lhes permitam intervir na vida e na sociedade, tomar decisões livres e fundamentadas e dispor de uma capacidade de participação cívica, activa, consciente e responsável”.

Tainah Dadda nasceu no Brasil, mas está em Portugal há alguns anos, e destaca que, à semelhança do que acontece no seu país, “há um baixo investimento na cultura” que se debate com alguma “precariedade”. Por isso, enfatiza esta aposta no teatro que “muito vai contribuir para uma maior qualificação de profissionais e professores”.
O ingresso nas aulas de teatro no Conservatório de Dança do Vale do Sousa está sujeito a provas de acesso, sendo que para mais informações devem contactar a secretaria da escola pelo número 255 783 297 ou a professora através do mail ltainah.dadda@nullconservatoriodancavalesousa.com

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here