O Comando Territorial do Porto tem um novo comandante, o coronel Manuel Afonso. A cerimónia de tomada de posse aconteceu ontem e foi presidida pelo Comandante-Geral da Guarda Nacional Republicana, Tenente-general Rui Clero.

Natural de Bragança, o coronel Manuel Afonso é licenciado em Ciências Militares, na especialidade de Segurança (GNR), pela Academia Militar, e mestre em Direito e Segurança pela Faculdade Nova de Lisboa. É ainda Auditor em Segurança Interna pelo Instituto de Defesa Nacional. Ingressou no quadro permanente da Guarda Nacional Republicana em 1991, tendo desempenhado diversas funções ao longo da sua carreira profissional, como as de comandante dos Destacamentos Territoriais de Pinhel, Oliveira de Azeméis e Ovar; instrutor no Agrupamento de Instrução de Portalegre, da Escola da Guarda, como Comandante de Pelotão; chefe da repartição de Programas Especiais da GNR; professor no Instituto Universitário Militares na área especifica da GNR; chefe da secção do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente, da Secção de Investigação Criminal e Oficial de Informações do Comando Territorial do Porto; chefe da Secção de Recursos Logísticos e Financeiros e da Secção de Operações, Treino e Relações Públicas do Comando Territorial de Santarém; chefe da Secção do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente e da Secção de Operações, Treino e Relações Públicas do Comando Territorial de Aveiro; e comandante do Comando Territorial de Leiria.

O Comando Territorial do Porto é responsável pelo cumprimento da missão da GNR no distrito e integra um Destacamento de Intervenção, dois Destacamentos de Trânsito, designadamente Penafiel e Porto; e seis Destacamentos Territoriais, designadamente: Amarante, Felgueiras, Matosinhos, Penafiel, Santo Tirso e Vila Nova de Gaia, dispondo cada um deles de vários Postos Territoriais, num total de 31. Contempla ainda o Posto Fiscal de Pedras Rubras, no Aeroporto do Porto.

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here