Paredes é um dos 61 municípios, do continente e regiões autónomas, que integram uma plataforma, onde as autarquias apresentam boas práticas, tendo em vista metas de “desenvolvimento sustentável” para 2030, refere comunicado.

Tal como Paredes, Valongo e Lousada também fazem parte desta lista de municípios, que formalizaram a adesão à denominada Plataforma Municipal dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pelas Nações Unidas (ONU), na Agenda 2030.

O programa tem subjacente “um compromisso de sustentabilidade” e tem como objectivo, por exemplo, “apoiar famílias desfavorecidas, a equidade de género nos órgãos de poder e incentivar, assim como promover, acções de educação para a reflorestação”, especificou a edilidade.

Desde o seu lançamento, a 11 de Novembro de 2020, esta plataforma já contabiliza “143 iniciativas”, tendo recebido “159 projectos” que representam contributos locais, no âmbito, por exemplo, da “erradicação da pobreza, educação, saúde, diversidade e voluntariado”, esclarece o comunicado.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável da Organização das Nações Unidas é constituída por “17 objectivos”, explica o site das Nações Unidas, através do Centro Regional de Informação para a Europa Ocidental.

O documento foi aprovado em Setembro de 2015, por 193 membros, e resulta de um “trabalho conjunto de governos e cidadãos de todo o mundo, de forma a criar um novo modelo global, que acabe com a pobreza, promova a prosperidade e o bem-estar de todos, proteja o ambiente e combata as alterações climáticas”, refere ainda aquele organismo.

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here